Blog

Terça
27/02

Terça, 27/02 às 09h07

Após orientações da CNM, Sertaneja (PR) registra avanços importantes na área de Turismo

Compartilhe
     

Desenvolver o Turismo como mecanismo de geração de emprego e renda é uma das bandeiras levantadas pela Confederação Nacional de Municípios (CNM). Diante disso, a entidade aconselha as Prefeituras com potencialidades turísticas a ingressarem no Mapa do Turismo. E foi exatamente o que o gestor de Sertaneja (PR) fez, após orientação técnica da Confederação.


O Município conta com grande potencial para desenvolver o turismo ecológico. Ao constatar essa realidade, o prefeito Jamisson Donizete procurou orientações técnicas na sede da CNM. O encontro com a especialista da área, Marta Feitosa, foi um divisor de águas na sua gestão. Donizete retornou a sua região e criou meios de colocar em prática o que ouviu na capital federal, juntamente com os servidores municipais da área.


Criado pelo governo federal, o Mapa do Turismo Brasileiro destaca os Municípios que adotam como estratégia de desenvolvimento e norteia a definição de políticas públicas para o setor. Com pouco mais de seis mil habitantes e localizada na divisa com o Estado de São Paulo, Sertaneja foi um dos Municípios que conseguiram ser incluídos no Mapa, após ação da CNM para reabrir o prazo. Assim, a localidade consta no documento oficial, publicado em 2017 e na Categorização publicada agora no início de 2018.


Municipalismo
No entanto, o primeiro contato de Donizete com a Confederação foi no evento Novos Gestores, promovido pela entidade. Logo de início, ele não pretendida trabalhar tão intensamente o setor, mas hoje reconhece: “o Turismo é uma grande possibilidade de fomentar o desenvolvimento econômico e social no Município”. Inclusive com a geração de emprego e renda. Em entrevista à Agência de Notícias CNM, a diretora de esporte e turismo, Anete Andrade Frederico, contou que a gestão municipal tem focado em duas potencialidades, a implantação do ressorte Hard Rock Hotel, na ilha do Sol; e a represa capivara, que conta com margem de aproximadamente, 100 quilômetros. Essa envolve 12 regiões paranaenses, além Municípios paulistas.


Além disso, a administração municipal também já tem viabilizado cursos de capacitação, em parceira com o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), para os munícipes interessados em capacitação para o desenvolvimento direto ou indireto do Turismo. Segundo, Anete, a primeira rodada de capacitação teve 170 moradores da região inscritos, em 19 cursos. “As pessoas estão começando a se sensibilizar pela oportunidade. E só o hotel deve disponibilizar 300 empregos diretos, sem falar dos empregos indiretos”, contou a diretora. De acordo com ela, a expectativa é de que o Turismo traga uma grande transformação para o Município e toda a região.

 

Fonte: CNM - Confederação Nacional de Municípios 

Veja também

Terça, 27/02 às 09h07

Brincar ao ar livre faz bem!

Terça, 27/02 às 09h07

Festa do Milho